Estudantes ribeirinhos das unidades de conservação visitam Manaus para o “Intercâmbio de Saberes”

14/08/2017 22:38

Com o tema “Jovens Ribeirinhos Transformando o Nosso Mundo”, a sexta edição do Intercâmbio de Saberes trouxe dezenas de alunos e professores das escolas estaduais que ficam em unidades de conservação para um encontro e trocas de experiências na capital amazonense, Manaus. A Secretária de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC), junto com a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) fizeram a abertura da semana de atividades, para criar um ambiente acolhedor e estimular as relações entre os participantes, para que eles possam compartilhar a experiência de desenvolver reuniões e ações nas comunidades que serão visitadas ao longo da semana.

O encontro tem o objetivo de formar lideranças jovens que integrem na questão social e ambiental, incentivando o potencial transformador e impulsionado ao ativismo e engajamento comunitário, além de contribuir para a troca de experiências no espaço de dialogo da juventude ribeirinha com outros jovens.

O Amazonas possui unidades de conservação com diferentes diretrizes de atividades, para estratégia de conservação da biodiversidade. As unidades de Uso Sustentáveis, por exemplo, são voltadas para visitação, atividades educativas pesquisa e conservação. São as unidades que contribuem para conservação da natureza, com a presença de humanos em áreas protegidas.

Segundo a coordenadora de educação ambiental, Thelma Prado, ela fala da importância do intercâmbio para despertar a vontade de querer cuidar do meio ambiente entre os jovens, e fazer com que eles entendam que a melhor forma é a prevenção.

“O que nós pensamos enquanto ambientalista e educadores ambientais, e que queremos que os nossos jovens, as futuras gerações entendam a importância da preservação e sustentação das unidades de conservação, dos recursos naturais, e de principalmente entender a importância de facilitar a vida nos homens quem vivem nas unidades de conservação”, comenta a educadora ambiental

É por isso, que a SEDUC e a FAS entendem que adolescentes e jovens são agentes fundamentais de para a mudança do mundo sustentável. E acreditam na ação colaborativa entre comunidades.

Na manhã desta segunda-feira, 15, no auditório da FAZ, alunos de cinco escolas da rede estadual de ensino participaram do intercâmbio, que segue até a próxima sexta-feira. As escolas estaduais Yamamay/ Itapiranga; Cynthia Regia/Uari; JW Marriot/Novo Aripuanã; Eugênio Thomas Lovejoy/Iranduba; Samsung/Manaus, participam do encontro para engajar jovens para proteger o planeta com medidas ousadas  e transformadoras, a fim de pôr o mundo em um caminho sustentável.

Agenda da semana do Intercambio de Saberes

Terca-feira, 15:

Manhã: 7h30 – 12h

-Visita ao bairro redenção e conversa com moradores – pesquisa.

Tarde: 13h30 – 17h30

-Organização dos dados coletados na pesquisa;

-Roda de conversa e compartilhamento de experiência com líderes do Bairro Redenção.

Quarta-feira,16:

Manhã: 7h30 – 12h

-Atividade grito de Alerta;

-Pró- espécies – vida na Terra;

-Discussão em grupos dos principais desafios que a juventude amazônica enfrenta hoje.

Tarde: 13h30 – 17h30

– Agenda Urbana: ferramentas de mobilização e engajamento em prol das soluções dos desafios;

-Formação de liderança: como é ser líder, características de um líder ribeirinho;

– Empreendedorismo como ferramenta de liderança;

-Oficina Reportes da floresta: Ferramenta de disseminação de nossas ações.

Quinta-feira, 17:

Manhã: 7h30 – 12h30h

-Visitar Arena da Amazônia, para o bate-papo com blogueiros do “Bola pro Mato”

Tarde: 14h30 – 18h30

-Visita na UFAM, laboratório de Saneamento;

-Visita ao Centro de Mídias da SEDUC.

Noite: 20h- 21h40

Sexta-feira, 18

Manhã: 7h30 – 12h30h

-Mobilização para Conferência Infanto-Juvenil (SEDUC e Coletivo Jovem);

-Atividade Cápsula do Tempo.

Tarde: 14h – 18h

-Apresentação da Carta “Amazônia que queremos para 2030” e assinatura de todos;

-Planejamento das ações que os coletivos desenvolverão nos próximos meses;

-Bate papo sobre a semana e avaliação do evento.

Com informações: SEDUC-AM

Portal Gazeta Do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta Do Amazonas ) 

Foto:Eduardo Cavalcante/SEDUC-AM