Mutirão de infraestrutura da Prefeitura já atendeu 14 bairros na cidade de Manaus

04/05/2015 11:24

mutiraoifra-2O mutirão de infraestrutura da Prefeitura de Manaus alcançou 14 bairros em quatro zonas da cidade em seu primeiro mês de execução. Os serviços de recapeamento, tapa-buracos e drenagem superficial (confecção de sarjetas e meio-fio) são realizados nos finais de semanas e feriados a partir de uma nova estratégia de atuação da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) para atender as demandas dos bairros que necessitam de ações mais emergenciais.

Segundo o secretário municipal de Infraestrutura, Alexandre Morais, o mutirão ocorrerá durante todo o mês de maio e junho. Os serviços  se intensificarão no verão com uma ação redobrada que se estenderá além dos finais de semana. “Em pleno feriado prologando a Prefeitura está nas ruas realizando serviços de infraestrutura. Não paramos, pois entendemos a necessidade da população”, destaca.

Para o início do mutirão, a secretaria mapeou bairros e vias que precisavam de serviços urgentes. As demandas foram recebidas pelo serviço Disque Seminf (0800 092 8556) e pelos 18 Distritos de Obras que atendem a cidade. As ruas principais, que são rotas do transporte público, foram as primeiras a serem contempladas.

Na zona Norte receberam o mutirão os bairros Santa Etelvina, Braga Mendes, Campos Salles, Monte Sinai e Vale do Sinai. Na zona Leste foram atendidos Nova Floresta, Cidade do Leste, Tancredo Neves, Cidade de Deus, Nossa Senhora de Fátima, Loteamento Rio Piorini e Grande Vitória. Parque das Laranjeiras e Parque das Nações, na zona Centro-Sul, e Hileia na zona Centro-Oeste também foram atendidos.

De acordo com Morais, em grande parte deles, os trabalhos seguem até a primeira quinzena de maio. Em muitas vias, como na Alameda B4, na Cidade do Leste, o resultado do trabalho já pode ser visto. Gradativamente novas vias serão incluídas no mutirão. “A cada final de semana conseguimos diminuir o número de vias que precisam de serviços e aumentar o número de pessoas satisfeitas”, ressaltou.

Novos bairros – O Campos Salles, zona Norte, entrou para a programação do mutirão no último sábado, 2 de maio. Lá as equipes da Seminf atuam nas ruas Jacamim, Surucuá e C. As equipes devem permanecer na área por até duas semanas.

A moradora da Rua Surucuá, Jeane Silva, 26, acompanha atenta as obras realizadas no local. E comemora o serviço, pois sabe que ao final o ônibus voltará a circular na via. “Com os buracos o ônibus deixa de passar e dificulta a saída do bairro. Mas depois desse serviço tudo voltará ao normal”.

Na Rua Jacamim, o segurança Evanildo Correia, 46, elogia a ação e comemora os serviços de drenagem que serão realizados na via. “O problema sempre foi a água que escorre pela via e acaba com o asfalto. O problema existe aqui e em muitos locais, mas a gente vê o empenho da prefeitura em resolver”, comenta.

A drenagem superficial – que abrange a confecção de meio-fio, sarjetas e caneletas – também está sendo intensificada nas ações pontuais da pasta e nos mutirões. Mais de 29.277,69 mil metros de rede superficial já foram feitos na cidade em três meses.

Durabilidade – A Prefeitura, além de intensificar os serviços nos mutirões, tem investido na qualidade do asfalto e nos materiais utilizados no preparo da base. Antes da aplicação da massa asfáltica as vias recebem reparo de base com pedra rachão e brita. Os materiais e o serviço visam dar mais durabilidade ao solo em ruas com fluxo intenso de veículos.

Reportagem, Natalia Lucas

Portal Gazeta Do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta Do Amazonas )

Foto: Divulgação Seminf

Tags: