Inflação das famílias que ganham até 5 salários mínimos aumentou 0,71% em abril

08/05/2015 10:46

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) aumentou 0,71% em abril, abaixo do resultado registrado em março, que foi 1,51%, informou hoje o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O INPC – usado para negociação de reajustes salariais – é calculado com base em pesquisa com famílias com rendimentos mensais entre um e cinco salários mínimos, das regiões metropolitanas de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Salvador, Recife, Fortaleza e Belém. O índice também inclui o Distrito Federal e o município de Goiânia.

Com o resultado, o acumulado do INPC no ano situou-se em 4,95%, acima do percentual de 2,90% registrado em igual período de 2014. Considerando-se os últimos doze meses o índice foi para 8,34%, abaixo da taxa de 8,42% dos 12 meses anteriores. Em abril de 2014, o INPC foi 0,78%.

Os produtos alimentícios apresentaram-se com 0,96% em abril, enquanto em março a taxa foi 1,21%. O agrupamento dos não alimentícios teve variação de 0,60% em abril, abaixo da taxa de 1,64% de março.

Entre os índices regionais, o maior foi o da região metropolitana de Curitiba (1,52%). Na cidade, os alimentos aumentaram 2,36%, acima da média nacional (0,96%). Os remédios (7,63%) também pressionaram o resultado. Os menores índices foram os de Salvador e Campo Grande, ambos com 0,51%.

Com informações: Agência Brasil

Portal Gazeta Do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta Do Amazonas )