Docentes da capital e interior debatem sobre o uso de novas tecnologias em sala de aula durante o I Encontro de Professores de Língua Portuguesa

22/06/2017 12:26

A Secretária de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC) realizou na tarde desta quarta-feira, 22, por meio do Centro de Formação Profissional Padre José Anchieta (Cepan), o I Encontro de Professores de Língua Portuguesa com a temática “O uso de Tecnologias no Ensino da Língua Portuguesa”. O evento teve o objetivo de divulgar experiências e práticas pedagógicas de sucesso dos profissionais da Língua Portuguesa e ocorreu no auditório do Cepam, além de contar com a presença dos professores da rede estadual da capital e do interior, com o auxílio de transmissão, via satélite, do Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam).

O titular da SEDUC, professor doutor Arone do Nascimento Bentes, contou sobre o principal foco do encontro. “Associar a Língua Portuguesa com esses instrumentos tecnológicos tangíveis é muito importante, porque contextualiza e preserva o uso da língua, pois uma nova linguagem está sendo estabelecida com uso dessas ferramentas”. Bentes ainda acrescentou: “Queremos preservar a língua, e nós queremos também que se contextualize, se atualize e se modernize”.

A diretora do Cepam, Kátia Regina Menezes Mendes, explica que a elaboração do Encontro é uma ação da SEDUC e é necessária para que possa desenvolver um trabalho com os professores de Língua portuguesa. “Nós não vivemos mais sem o uso das tecnologias, então está aí a importância de começar com os professores para discutir sobre esse assunto”, informou.

A secretária Executiva de Estado de Educação, Darcília Dias Penha, comenta as iniciativas dos professores no uso das tecnologias.  “Os professores de Língua Portuguesa estão procurando utilizar a tecnologia em favor na produção de texto, no ensino da gramática, no trabalho com a literatura, e isso muito nos alegra”, enfatizou Penha.

Para o secretário Executivo Adjunto da Capital da SEDUC, Carlos Antônio Magalhães Guedelha, o uso das tecnologias é fundamental na vida das pessoas nos tempos atuais, e enfatiza que a tecnologia é onipresente. “O mundo hoje é permeado pela tecnologia, que por sua vez, reforça o uso da língua e o uso da literatura”.

De acordo com o secretário Executivo Adjunto Pedagógico, Marcus Túlio Tomé Catunda, o uso de novas ferramentas, com o objetivo de otimizar o trabalho do docente e o aprendizado do aluno é muito importante. “Cria algo novo, contemporâneo para o nosso aluno. Antigamente o ensino de língua era feito a partir de um texto estático, texto unimodais, textos que eram escritos e auxiliados pela linguagem oral. E hoje, com a multimodalidade, esses textos adquiriram outros formatos a partir de gêneros, como os ‘memes’, na qual você pega uma foto, que é um modelo não verbal e semiótico, e acrescenta a ele um texto escrito. Só que isso ganha uma dimensão maior para o entendimento do aluno quando é mediado e associado a alguma rede social, pois ele tem a oportunidade de não só visualizar, como de fazer uma analise e apresentar uma critica sobre”.

O professor da Universidade Federal do Amazonas, doutor Sérgio Freire, expõe o papel da escola, do professor e do aluno no uso das tecnologias “A escola precisa incorporar, ela precisa entender que tem um aluno diferenciado, precisa entender que tem um cenário novo, e professor que quiser fazer um ensino significativo, vai ter que pensar uma nova forma de trabalhar. É necessário um cenário novo, pois ainda temos uma escola de século XIX, um professor do XX e alunos do século XXI”, enfatizou.

A professora Rosa Maria Monteiro de Araújo, da Escola Estadual Professora Alice Salerno Gomes de Lima, na Zona Centro-Sul de Manaus, conta da importância da aplicação da tecnologia em sala de aula. “A escola e o mundo todo é virtual, isso também ajuda a dinamizar nossas aulas e é uma linguagem que vem ao encontro do aluno que vive na era da tecnologia. Nós lecionamos hoje para alunos digitais e ainda somos analógicos”, explicou

Portal Gazeta Do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta Do Amazonas )

Fotos: Áida Fernandes / SEDUC​​​​​​​​​​​​​​​​