FUTSAL: Autazes leva virada, empata no último minuto e bate Sangue de Boi nos pênaltis

08/04/2018 13:46

 

Em jogo emocionante até o minuto final, o Autazes venceu o Náutico Sangue de Boi nos pênaltis e conquistou pela primeira vez em sua história o título da categoria principal da Copa Rede Amazônica de futsal. No tempo normal, o duelo terminou empatado em 2 a 2, com direito a virada e gol marcado no último minuto, mas nas penalidades máximas prevaleceu a frieza do Leonardo, que converteu os três gols do time do interior.

Com a bola rolando, o Diabo Loiro marcou duas vezes para o campeão, enquanto Raimundo Nonato e Fernando deixaram tudo igual. O título deu aos campeões uma pequena fortuna de R$ 10 mil. Já o Naútico arrecadou nada mais nada menos que R$ 5,7 mil. Os cinco primeiros colocados levaram uma quantia para casa.

Autazes empata no último minuto e bate Sangue de Boi nos pênaltis; veja os gols

Autazes empata no último minuto e bate Sangue de Boi nos pênaltis; veja os gols

O jogo

A primeira etapa começou a todo vapor. Prova disso que o primeiro gol saiu logo aos 4 minutos, com Miceles. O camisa 7 chutou de fora e ainda contou com falha do arqueiro rival, que deixou bola escapar, para abrir o placar a favor da equipe do interior. A vantagem não durou nem dois minutos. Um minuto depois, Fernando igualou o marcador.

Se os primeiros 10 minutos foram de muita velocidade, os últimos cinco foram mais cadenciados. Enquanto o Autazes usava a tática de sair contra-ataque, esperando um erro do rival, o experiente e tradicional Sangue de Boi controla a posse de bola, mas sem muita infiltração. Foi com esse panorama que acabou o primeiro tempo.

A segunda etapa foi justamente o oposto. As equipes entraram devagar, com poucas finalizações e muitos erros de passes, mas o time de Manaus era ligeiramente melhor em quadra. Foi nos últimos minutos que a partida pegou fogo. Quando parecia que a decisão ia para os pênaltis, Raimundo Nonato virou o placar aos 27 minutos.

O clima já era festivo nas arquibancadas, o time manauara enfim saía da seca na competição. Mas a glória não durou muito tempo. A dois minutos do apito final, Diabo Loiro, novamente, igualou o marcador. O tempo que faltava não foi o suficiente para qualquer mudança no placar, e a decisão foi mesmo para as disputas penais.

Nas cobranças, Leonardo mostrou frieza e converteu todos os três gols para o Autazes. O Sangue de Boi preferiu alternar, e Raimundo Nonato, que virara herói minutos antes, desperdiçou o pênalti decisivo.

Com informações e fotos:Globo Esporte/G1AM

Portal Gazeta Do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta Do Amazonas