PAN JÚNIOR DE LUTA OLÍMPICA 2015: Amazonenses conquistam prata e bronze na terra de Fidel Castro

08/05/2015 10:12

LUTA OLÍMPICA - BRENDA ARIANE PALHETA - by Michael Dantas - Brasileiro de 2013

No segundo dia do Campeonato Pan-Americano Júnior de Luta Olímpica 2015, disputado em Havana, Cuba, nesta quinta-feira, 7 de maio, a equipe brasileira voltou ao pódio duas vezes com as amazonenses Thalia Lopes, bronze na categoria até 51kg, e Brenda Ariane Palheta, prata na categoria até 63kg e que teve o melhor resultado do dia para o País.

Segundo a Confederação Brasileira de Lutas Associadas (CBLA), o Amazonas é um dos Estados que mais evolui na luta olímpica nacional. Mérito para os técnicos Helton Henrique, Waldeci Silva e Dagoberto Arbolaez. Com as três medalhas obtidas pelo estilo greco-romano na quarta-feira, 6 de maio – prata de Guilherme Evangelista e os bronzes de Joílson Júnior e Calebe Corrêa -, o Brasil soma cinco medalhas e pode aumentar o número de medalhas com a equipe do estilo livre masculino, que encerra a participação brasileira nesta sexta-feira. Os amazonenses David Washington Moreira (até 55kg) e Lucas Machado (até 74kg) integram a equipe brasileira.

MENINAS FANTÁSTICAS

Logo na estreia, Brenda provou que não aceitaria voltar para o Amazonas sem medalha. A primeira adversária da brasileira foi a canadense Michelle Cholena, em luta disputada ponto a ponto. Brenda fez 4 a 3 e garantiu vaga na final contra a norte-americana Alexis Porter. Na disputa pela medalha de ouro, a adversária levou a melhor depois de abrir 3 a 1 no placar e encerrar a luta com 6 a 1. O bronze ficou com Virgínia Fernandez, da Venezuela.

Já Thalia Lopes, nascida em Parintins (a 325 quilômetros de Manaus), teve uma caminhada um pouco mais longa até a medalha de bronze. Na estreia, vitória por 10 a 2 sobre a salvadorenha Carolina Melendez e vaga na semifinal contra a norte-americana Amy Hou. Em uma das melhores lutas do torneio, Thalia começou na frente, mas acabou sofrendo a virada. A oponente chegou a abrir quatro pontos de vantagem, mas em grande reação, Thalia empatou em 7 a 7 e venceria pelo critério de desempate. Mas um pedido de desafio, fez a arbitragem conceder mais dois pontos para Hou e acabou dando a vitória para adversária da brasileira. Na luta pelo bronze, Thalia venceu por encostamento a peruana Ana Lugo e garantiu mais uma medalha para o Brasil.

VALEU A EXPERIÊNCIA…

Outras duas brasileiras entraram no tapete. Fabiana Alcântara (RJ) não passou pela cubana Yudaris Sanchez na categoria até 67kg. Já Andria Pimentel, do Amazonas, ficou na canadense Osa Chuk na categoria até 55kg. O estilo livre encerra a participação brasileira no Pan-Americano Júnior 2015, nesta sexta-feira.

Resultados do estilo livre feminino:  

Brenda Palheta (AM) –  até 63kg – PRATA
Thalia Lopes (AM) – até 51kg – BRONZE

Andria Pimentel (AM) – até 55kg – 7º lugar

Fabiana Alcântara (RJ) –  até 67kg – 6º lugar

Estilo livre masculino – Sexta-feira (8/5)

David  Washington Moreira (AM) –  até 55kg
Fabio Lopes –  até 66kg
Lucas Machado (AM) – até 74kg
Guilherme Evangelista – até 84kg
Douglas Rocha – até 96kg
Rafael Crystello Filho – até 120kg

LUTA OLÍMPICA - THALIA LOPES DE VERMELHO - AMAZONAS - Divulgação
Atleta amazonense Thalia Lopes (vermelho) conquista bronze na categoria até 51kg. Foto:Divulgação

Com informações : Emanuel Sports & Marketing (www.facebook.com/emanuelsports)

Portal Gazeta Do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta Do Amazonas )

Foto: Michael Dantas

Tags: