TRE-AM diploma o Prefeito e o Vice-Prefeito eleitos na Eleição Suplementar 2018 do município de Anamã

06/12/2018 18:49

Vereador Benedito Soares (E), Juscelino Bastos, prefeito Chico do Belo, vice-prefeito Caio Lasmar, Ivo Nazaré e Jane Menezes.

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), diplomou nesta quinta-feira, 6 de dezembro, no Auditório da 6ª Zona Eleitoral de Manacapuru que atende o município de Anamã, o prefeito e o vice-prefeito eleitos na eleição suplementar 2018 ocorrida no município. A Coligação “Fazendo Mais Por Anamã” recebeu 3.405 votos, que corresponde a 56,16% dos votos válidos, no pleito suplementar realizado no dia 28 de outubro.

Foram diplomados para os cargos de prefeito e vice-prefeito, Francisco Nunes Bastos, o Chico do Belo (PMN) e Caio Lasmar Meireles Pinheiro (PSD), respectivamente. Os eleitos receberam os diplomas devidamente assinados pela Juiz Eleitoral da 6ª Zona, Geildson de Souza Lima.

O novo prefeito de Anamã, Chico do Belo garantiu que sua gestão trabalhará em várias frentes, buscando melhorias para o município. Segundo ele é necessário priorizar a infraestrutura urbana e rural, saúde, educação, geração de emprego e renda.

“ Quero registrar o meu agradecimento ao TRE- AM e Ministério Público Eleitoral pela lisura no processo eleitoral suplementar, proporcionando que tivéssemos um pleito sem nenhuma ocorrência que atrapalhasse a realização da eleição tão aguardada pelos munícipes de Anamã. Pretendo fazer uma gestão voltada para a população sem acepção de pessoa, sei que as dificuldades irei encontrar nesse período de dois anos de mandato, mas estou preparado para vencer os desafios se Deus assim permitir. Ao longo dos anos venho acompanhando as gestões dos ex-prefeitos com seus acertos e erros em meu município, confesso que terei agora a oportunidade junto com o meu vice Caio Lasmar de administrar a prefeitura de Anamã com mais acertos e menos erros”, declarou o prefeito Chico do Belo.

Quem também participou da solenidade de diplomação foi os vereadores Juscelino Bastos, Jane Menezes, Ivo Nazaré, Benedito Soares, a suplente de vereador Zelilde, representante da OAB, autoridades civis, militares, ex-prefeito de Anamã Jecimar Pinheiro e os familiares dos eleitos. O presidente da Câmara Tião Sampaio não compareceu devido um compromisso de agenda institucional na cidade de Manaus.

A Câmara Municipal de Anamã aguarda ser notificada pela Justiça Eleitoral para poder providenciar a posse dos eleitos. De acordo com vereador Juscelino Bastos a previsão é que o prefeito e o vice eleitos tomem posse no dia 1.º de janeiro.

O diploma é o documento oficial emitido pela Justiça Eleitoral que legítima o seu possuidor a tomar posse do cargo para o qual foi eleito pela vontade popular, nos termos da Constituição Federal do Brasil.

Portal Gazeta Do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta Do Amazonas)

Fotos: Divulgação