Grupo de percussão musical Curumim na Lata realiza apresentação pela internet

29/05/2020 07:26Comentários desativados em Grupo de percussão musical Curumim na Lata realiza apresentação pela internet

Por Portal Gazeta do Amazonas

 

MANAUS – As atividades do Centro Municipal Arte Cultura (Cmae) Aníbal Beça, da Prefeitura de Manaus, localizado no bairro São José Operário, zona Leste, continuam, mesmo com o isolamento social. Por meio de aplicativos de conversa, estudantes e professores mantiveram contato, realizando pesquisas sonoras com materiais encontrados nas casas dos alunos. O resultado de um desses estudos foi a apresentação da música “Amazonas moreno”, do grupo Raízes Caboclas, via Google Meet, onde cada integrante do grupo de percussão musical Curumim na Lata participou diretamente de suas residências.

Este ano o grupo Curumim na Lata – projeto da Secretaria Municipal de Educação (Semed), desenvolvido no Cmae Aníbal Beça – completa 18 anos, e conta aproximadamente com cem estudantes. O diferencial da banda é que a maioria dos instrumentos utilizados pelo grupo é produzido com materiais recicláveis. Pedaços de latas, madeiras, partes de mesa de passar roupa, cafeteira, papelão estão entre os produtos utilizados na confecção dos objetos de percussão.

De acordo com o professor do grupo, Carlos Valdez, a diferença nos dias atuais é que, mesmo à distância, os estudantes continuam suas pesquisas, com materiais que encontram em suas casas, e acabam influenciando as famílias a participar.

“A resposta que temos visível é a integração e o interesse. De casa, eles estão empolgados, coletando material, envolvendo as famílias. Há, inclusive, o resgate de outros alunos que estavam afastados”, comemora o professor.

Um dos percussionistas que participou da apresentação foi Halyson de Souza Pereira, que integra o grupo há 4 anos. Ele conta que no início achou estranho porque estava acostumado a ter essas aulas no Cmae, com o auxílio do professor Valdez. “As aulas à distância acabaram sendo uma novidade para nós alunos, mas cada aluno está praticando em sua casa, por meio dos conteúdos que o professor está nos passando”, relata.

Halyson conta que tem realizado as atividades por meio dos materiais de percussão que ele já tem em casa. “O professor passa as atividades e fazemos a nossa aula prática. Em seguida, mandamos para que ele nos avalie à distância e aponta onde temos que melhorar”, completa.

A próxima atividade que o grupo realizará será voltada à festa de boi-bumbá e os estudos já iniciam no mês de junho. A apresentação final será com a música “Vermelho”, do bumbá Garantido.

Reportagem, Alexandre Abreu / Semed

Portal Gazeta do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta do Amazonas )

Foto:Divulgação / Semed

Os comentários estão fechados