No Amazonas, Victor Ribeiro, de apenas 5 anos, comemora cura do câncer

12/11/2020 15:21Comentários desativados em No Amazonas, Victor Ribeiro, de apenas 5 anos, comemora cura do câncer

Por Portal Gazeta do Amazonas

Diagnosticado com leucemia aos 11 meses de idade, o pequeno Victor Inácio Ribeiro, de 5 anos, hoje, comemora a cura. No entanto, os últimos anos foram marcados pelos desafios de realizar o tratamento oncológico e ter toda a estrutura necessária desde que ele era apenas um bebê.

A mãe de Victor, Mayara Monteiro, lembra que o suporte oferecido pelo Grupo de Apoio à Criança e ao Adolescente com Câncer do Amazonas (GACC-AM), instituição beneficiada pelo McDia Feliz, foi essencial para o tratamento dele desde o começo“Quando ele iniciou o tratamento, teve que alterar a alimentação e não podia comer várias coisas. Esse começo foi aterrorizante, mas tive todo o suporte de uma nutricionista do GACC-AM e isso me trouxe segurança”, comenta.

Durante o tratamento, o menino também precisou passar por uma cirurgia e Mayara recorda do suporte emocional do GACC-AM, que foi fundamental para enfrentar o medo dos riscos do procedimento. “A instituição é como uma família, que podemos contar em todos os momentos difíceis. Com apenas 11 meses, os médicos me diziam que ele não tinha chances de sobreviver, e hoje ele está há dois anos curado”, conta.

Em torno de 50 crianças são atendidas pela entidade, com serviços de alimentação, suplementação e traslado para a realização de todos os procedimentos nas unidades de saúde da capital amazonense.

A coordenadora de marketing do GACC-AM, Karoliny Santos, explica que a instituição sobrevive do apoio de voluntários e funcionários que procuram, com a realização de eventos sociais e parcerias com empresas, arrecadar recursos para a manutenção do atendimento.

O serviço oferecido pelo GACC-AM é extremamente importante na vida de crianças e adolescentes que estão em tratamento oncológico, pois somos a única instituição no Amazonas que oferta serviços para pacientes diagnosticados com câncer. Visamos o bem-estar dos pacientes e famílias, tentando minimizar o impacto do enfrentamento da doença e os desafios sociais que surgem durante o tratamento”, afirma a coordenadora de marketing do GACC-AM.

Dentre as iniciativas que apoiam a entidade está o McDia Feliz. Com a renda arrecadada na campanha deste ano, o GACC-AM espera dar continuidade e ampliar os serviços ofertados de assistência social, psicologia, nutricionista e motorista para a realização do translado, aquisição de cestas básicas entregues mensalmente às famílias que estejam em vulnerabilidade socioeconômica, produtos suplementares específicos de acordo com cada paciente, materiais de higiene pessoal para os internados e em vulnerabilidade econômica.

A edição 2020 do McDia Feliz está confirmada para 21 de novembro. No dia do evento, toda a renda obtida com a venda de sanduíches Big Mac é revertida à campanha. Desde 1988, cerca de R$ 300 milhões já foram arrecadados.

Vouchers antecipados

Empresas e pessoas físicas já podem adquirir vouchers antecipados para serem resgatados no dia do evento. A pré-venda vai até a véspera da campanha*.

Uma grande novidade desta edição são os tickets no formato digital, uma das iniciativas da marca para que todos possam contribuir com a campanha de maneira mais segura e conveniente. Este formato está disponível pelo site: http://www.giftty.com.br/mcdiafeliz/mcd/GACCAM.

Quem preferir adquirir os tradicionais vouchers físicos, deve entrar em contato diretamente com a instituição, por meio do (92) 3659-5000 e o WhatsApp (92) 9 8282-4892.

O valor de cada voucher antecipado será o mesmo do último ano: R$ 17,00.

McProtegidos: Segurança para clientes e funcionários

Este ano, o McDia Feliz será realizado com uma série de medidas adicionais de segurança, a fim de proteger os clientes contra o coronavírus. Os clientes serão orientados a utilizar preferencialmente modelos com menor contato, como o McDelivery ou Drive-Thru, e os tradicionais eventos comemorativos nos restaurantes serão substituídos por ações de interação e engajamento online.

Além disso, os restaurantes da rede estão seguindo um protocolo especial de operação, que inclui o uso de máscaras, luvas e viseiras pelos funcionários, instalação de barreiras acrílicas nos pontos de atendimento, demarcação de distanciamento social e reforço nos procedimentos de higiene, entre outras ações que fazem parte da campanha McProtegidos.

*Consulte o regulamento completo em http://mcdiafeliz.com.br sobre o prazo de venda de cada modalidade de voucher antecipado.

Sobre o McDia Feliz

O McDia Feliz é o principal evento beneficente do McDonald’s e, atualmente, é uma das maiores mobilizações em prol de crianças e adolescentes no Brasil. A campanha é realizada no país desde 1988, gerando recursos para as instituições apoiadas pelo Instituto Ronald McDonald, que atuam para proporcionar mais saúde e qualidade de vida a crianças e adolescentes com câncer. Em 2018, o projeto ampliou seu impacto para beneficiar outra causa de grande importância para o país, a Educação, contribuindo para as ações do Instituto Ayrton Senna. Desde sua primeira edição, mais de R$ 300 milhões já foram arrecadados pelo McDia Feliz.

Sobre a Arcos Dorados

A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo e a maior rede de restaurantes de serviço rápido da América Latina e Caribe. A empresa tem o direito exclusivo de possuir, operar e premiar franquias das instalações do McDonald’s em 20 países e territórios nessas regiões e conta com quase 2,3 mil restaurantes, entre unidades próprias e seus franqueados, que juntos empregam mais de 100 mil pessoas. A empresa também mantém um forte compromisso com o desenvolvimento das comunidades em que está presente e com a geração de primeiro emprego formal para os jovens, além de utilizar sua escala para alcançar um impacto positivo no meio ambiente. Por sua vez, está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO). Para mais informações sobre a Empresa, visite nosso site: www.arcosdorados.com

Reportagem, Olívia de Almeida

 

Portal Gazeta do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta do Amazonas )

Foto: Divulgação

Os comentários estão fechados