Prefeitura de Manaus reforça segurança na Ponta Negra com ciclopatrulha que comemora 4 anos no local

3 de maio de 2021 06:00

Por Portal Gazeta do Amazonas

MANAUS – Com uma pista ciclística de obstáculos e ferramentas de trabalho, a Ciclopatrulha da Polícia Militar, criada para fazer um policiamento diferenciado e levar segurança à sociedade em locais de difícil acesso e com grande fluxo de pessoas, comemorou os quatro anos de sua criação no último sábado, 1º/5, com uma competição no calçadão do Complexo Parque Ponta Negra, zona Oeste. Participaram da programação os membros da Ciclo Guarda Municipal, que em 2019 ganhou um posto no local, em espaço gerenciado pela Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb).

Esse trabalho da PM foi reforçado e ampliado pela prefeitura com o projeto da Ciclo Guarda de patrulhamento em bicicletas, realizado pelo comando da Guarda Municipal, ligado à Casa Militar, dando maior reforço à segurança do patrimônio, praças e espaços públicos. A unidade atual é comandada pelo capitão da Polícia Militar (PM) Roberto Vieira, que celebra o excelente trabalho desempenhado em cima de duas rodas e com a simpatia da população.

A parceria ajuda a reduzir os índices de criminalidade no cartão postal natural da capital. Todos os guardas que atuam no ciclopatrulhamento receberam capacitação, fardamento compatível com a prática da atividade física e com o clima da cidade.

“Pelo fato de estarmos usando bicicletas para realizar nosso policiamento, temos um contato direto com as pessoas, e isso é muito bom, pois recebemos esse apoio e reconhecimento direto da população. É muito bom poder contribuir e levar segurança a eles”, disse o capitão Roberto Vieira.

Durante a pandemia, os policiais e guardas que fazem o trabalho de ciclomonitoramente usam Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e obedecem a todas as recomendações de segurança e de proteção e combate ao novo coronavírus. Máscaras e álcool em gel, além das pedaladas, são rotina no trabalho, assim como realizar orientações para manter o distanciamento seguro.

“Esses locais continuam recebendo pessoas, e precisamos oferecer segurança a elas. É com fé e esperança que agora devemos olhar para o futuro, com a certeza de que ele reserva crescimento e vitórias”, declarou o comandante da ciclopatrulha.

A ciclopatrulha tem 44 policiais militares, que se revezam em outros parques e praças, além da área do Centro de Manaus, fazendo policiamento ostensivo e em turnos. O policiamento ciclístico ou ciclopatrulha é um processo que agrega a prática de condicionamento físico e mental sem agredir o meio ambiente, pois é um modelo de locomoção não poluente.

Esse modelo é cada vez mais empregado e difundido dentro das unidades policiais do Brasil devido à sua versatilidade, aproximação com a sociedade, rapidez e surpresa, agregando qualidade de vida e produtividade, dependendo do local empregado.

Portal Gazeta do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta do Amazonas )

Foto: Divulgação