Grupo Sabin investe há 10 anos na melhoria da qualidade de vida do amazonense

4 de maio de 2022 13:50

Por Portal Gazeta do Amazonas

MANAUS – Com o propósito de inspirar pessoas a cuidar de pessoas, o Sabin tem impactado de forma positiva a qualidade de vida da população amazonense há 10 anos. Além de investir em tecnologia e inovação para oferecer serviços de medicina diagnóstica de excelência, a empresa está à frente de projetos com o foco na sustentabilidade ambiental e na responsabilidade social.

Em reconhecimento à atuação da empresa, a presidente executiva do Grupo Sabin, Lídia Abdalla, será condecorada nesta quinta-feira (5), com a medalha Grandes Amazônidas, concedida pela Associação PanAmazônia. Com a missão de promover os ideais de integração e cooperação como instrumentos para o desenvolvimento regional, a organização não governamental reconhece empresas e instituições que se dedicam ao desenvolvimento da região e à geração de empregos. “Nossa cultura organizacional tem o cuidado com as pessoas no centro da estratégia empresarial.  Receber essa condecoração reforça que estamos na direção correta ao investir em diversas ações e práticas de responsabilidade social e ambiental em todas as cidades em que atuamos”, afirma a executiva.

Desde que chegou ao estado do Amazonas, em 2012, por meio de uma expansão estratégica para o norte do país, o Sabin não parou de investir na região. Além de aberturas de 12 unidades em pontos estratégicos da cidade, a empresa buscou a ampliação de serviços e a implantação de projetos do Instituto Sabin, responsável pelo investimento social privado do Grupo. Entre eles estão: ações de apoio a entidades de assistência a pessoas em vulnerabilidade, instalação de academias ao ar livre e de ludotecas, espaços para a escuta, oitiva ou acompanhamento terapêutico de crianças, adolescentes e famílias vítimas de violência.

Em 2018, o Grupo inaugurou na capital amazonense um novo Núcleo Técnico Operacional (NTO), com uma plataforma tecnológica de ponta e um sistema de informação integrado com a operação nacional da empresa. O parque tecnológico é referência na região e possui mais de 1.700 m².

O foco do Sabin na inovação e pesquisa técnico-científica e no cuidado com a saúde das pessoas foi fundamental em 2020, para o desenvolvimento do exame de RT-PCR, que detecta Covid-19, contribuindo para atender às necessidades da população e comunidade médica de forma rápida, eficiente e segura. Além do PCR, o Grupo também passou a oferecer exames de sorologia IgG e IgM, para detecção da produção de anticorpos contra o vírus.

“Durante a pandemia, nosso foco foi o cuidado com a saúde das pessoas. Investimos em modelos de testagem que foram imprescindíveis no enfrentamento à crise sanitária. Reestruturamos unidades e canais de atendimento, integrando o físico e o digital para que pudéssemos atender com agilidade à população”, afirma a CEO do Grupo, Lídia Abdalla.

Em 2021, o Sabin investiu também na implantação do serviço de imunização, em Manaus. “Trata-se do compromisso do Sabin em oferecer qualidade certificada e prevenção ao seu cliente, construindo assim uma rede de serviços integrada à disposição da população manauara”, ressalta o gestor regional do Sabin, Fabiano Castro. Atualmente, o Sabin disponibiliza à população de Manaus um amplo portfólio de exames, entre serviços de análises clínicas e vacinação

Novos investimentos

Ainda em 2022, o Sabin vai lançar em Manaus a plataforma de cuidados coordenados e acesso à saúde, Rita Saúde. “Em um país onde a desigualdade social é uma realidade, poder democratizar e ampliar o acesso à saúde de qualidade para todos, nos motivou a desenvolver este projeto, o Rita Saúde”, define Lídia Abdalla.

Com investimento inicial de mais de R$5 milhões, o Rita Saúde foi desenvolvido dentro dos conceitos de saúde 5.0, com as pessoas no centro do cuidado. A plataforma de saúde coordena de forma 100% digital a estratégia assistencial em que o acompanhamento do paciente é realizado por uma equipe multidisciplinar com o auxílio da tecnologia, permitindo a interação da equipe médica durante toda a jornada de cuidados com a saúde. “Estamos falando de um ecossistema inovador que vai oferecer saúde de forma planejada, a partir de um modelo de assistência estruturado que vai apoiar também as operadoras e empresas na gestão da saúde de grupo populacionais”, explica.

Prioridade socioambiental

O Grupo tem a pauta da sustentabilidade como uma das prioridades da agenda ESG. Em março último, o Sabin recebeu o Certificado de Neutralização das Emissões de Gases de Efeito Estufa. A conquista comprova a neutralização total de 1.91 mil toneladas de gases de efeito estufa emitidos a partir das atividades desenvolvidas pela empresa e compõe o conjunto de objetivos corporativos ESG.

O certificado ratifica as ações da companhia em favor da neutralização de carbono, e, consequentemente a redução da poluição atmosférica. “Este marco chancela o compromisso do Grupo Sabin de investir em projetos com o foco na sustentabilidade ambiental”, celebrou a presidente executiva da empresa, Lídia Abdalla.

O Sabin também é o único laboratório no Amazonas a contar com o selo do Programa de Acreditação de Laboratórios Clínicos (PALC) da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica e Medicina Laboratorial (SBPC/ML), garantindo que todos os seus processos são pautados pelo rigor na qualidade, na segurança e na gestão de riscos.

Além das certificações, que chancelam sua constante busca pela excelência, a empresa é reconhecida por seu tradicional atendimento humanizado que cativa o cliente com o jeito Sabin. Nos últimos cinco anos, o Sabin é a melhor empresa para se trabalhar na região Norte, no ranking da Great Place to Work (GPTW), lista que integra entre as três primeiras há sete anos.

Fundado em 1984 pelas bioquímicas Janete Vaz e Sandra Soares Costa, o Sabin tem o reconhecimento e a valorização dos colaboradores como parte da cultura de colocar as pessoas no centro do negócio. “São quase quatro décadas com uma atuação pautada pelos valores da diversidade e da inclusão e promovendo um ambiente saudável e plural de trabalho. Nos últimos anos, temos aprendido inúmeras lições e, nessa rotina de descobertas, vimos a relevância de construir um time diverso e de fortalecer a nossa cultura para disseminar nossa essência aos nossos colaboradores de norte a sul do país. Assim, seguimos inspirando pessoas a cuidar das pessoas, o nosso propósito”, afirma Lídia.

Do total de 6.500 colaboradores da empresa em 12 estados e no Distrito Federal, 77% são sexo feminino. Além disso, 74% dos cargos de liderança são exercidos por mulheres. Em Manaus, a presença delas é superior à média nacional do Sabin. Do total de colaboradores da capital do Amazonas, 81,62% são do sexo feminino. Além disso, 89,47% dos cargos de liderança da empresa no estado também são ocupados por elas.

Para o Grupo Sabin, valorizar a diversidade nas empresas é dar oportunidade igual a todos. A política de gestão de pessoas prioriza o movimento de inclusão e possui programa de diversidade para refletir sobre questões rotineiras que fomentem o respeito às diferenças e promoção de discussões capazes de superar preconceitos e crenças limitantes, além de treinamentos focados na temática e um tradicional bate-papo a fim de propagar o acolhimento na equipe. Como resultado de todo esse cuidado, em pesquisa recente sobre a diversidade entre os colaboradores da empresa, 11,8% se autodeclaram brancos, enquanto 88,2% se consideram pardos, negros ou índios.

Com informações da Assessoria

Portal Gazeta do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta do Amazonas )

Foto: Divulgação