Suframa garante segurança jurídica as empresas do PIM. É o que assegurou o General Polsin em nota à imprensa

19 de abril de 2022 16:54

Por Portal Gazeta do Amazonas

MANAUS – A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), desde fevereiro, quando foi publicado a redução do Imposto sobre Produto Industrializado (IPI) que reduz 25% dos carros e eletrodomésticos, tem prestado todo o assessoramento técnico ao Ministério da Economia a fim de que o processo de tomada de decisões ocorresse favoravelmente à manutenção da segurança jurídica e da competitividade das indústrias instaladas na Zona Franca de Manaus (ZFM).

Por meio de nota, a autarquia destacou que nos últimos dois meses também tem atuado de forma diligente nessa temática e mantido reuniões regulares com líderes e técnicos do Governo do Estado, entidades de classe ligadas à indústria e demais parceiros que atuam na região.

Enquanto autarquia responsável pela gestão do modelo Zona Franca de Manaus, a Suframa seguirá trabalhando com confiança e afinco no sentido de preservar e proteger os interesses deste modelo de desenvolvimento tão importante para o crescimento socioeconômico e para a preservação ambiental da Amazônia, bem como para minimizar potenciais impactos ao ambiente de negócios da região.

 

Portal Gazeta do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta do Amazonas )

Foto: Divulgação