“Vocês não irão me calar”, alerta Wilker Barreto após divulgação de fake news em portais financiados pelo Governo do Amazonas

05/06/2020 00:54

Por Portal Gazeta do Amazonas

 

MANAUS – O deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) usou a Sessão Ordinária virtual da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) desta quarta-feira, 3, para criticar a disseminação de “Fake News” (notícias falsas) envolvendo o seu nome e de seus familiares em portais, blogs e grupos de Whatsapp. Em tom duro, o parlamentar afirmou que a divulgação das informações caluniosas é uma tentativa do Governo do Amazonas de intimidar a atuação do deputado, que é líder da oposição no Parlamento.

Para Barreto, os ataques difamatórios são orquestrados por sites financiados pelo Governo e por empresários que se sentem ameaçados pelas denúncias reveladas pelo parlamentar na tribuna da Aleam, bem como na CPI da Saúde.

“Só quero mandar um recado bem claro para o governo, vocês não vão me calar. Para aqueles que não são jornais e portais de verdade, porque jornalismo sério checa a informação e não publica fake news, vocês não irão me parar com essas calúnias. São bloguinhos e portais pagos com dinheiro público, não escrevem nada contra este governo e financiados também por empresários que se sentem ameaçados pelas minhas denúncias contra CPI da Saúde, processo de impeachment e CPI da Educação, que vai voltar à tona”, explicou o deputado.

Wilker ressaltou que irá processar os donos dos portais e os responsáveis pelo compartilhamento das notícias caluniosas, que envolvem o seu patrimônio e citam também a sua família.

“Quero afirmar que meu patrimônio vai crescer processando vocês por calúnia. Já tenho o CPF e o CNPJ de vocês e aí sim, vou ganhar dinheiro nas costas de vocês. Respeitem meu pai e minha mãe, porque se vocês não têm formação cristã, eu tenho e respeitar família é sagrado. Isso só me estimula a trabalhar mais e mais”, finalizou Wilker.

Portal Gazeta do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta do Amazonas )

Foto: Divulgação