Centro Universitário Fametro planeja retorno às aulas presenciais

21/06/2020 00:18

Por Portal Gazeta do Amazonas

MANAUS – O Centro Universitário Fametro irá adotar uma série de protocolos de segurança em suas unidades, na volta às aulas. Entre as medidas, está a adoção do sistema híbrido de ensino, com aulas presenciais e remotas, acontecendo de forma simultânea. O retorno das atividades presenciais acontecerá de forma escalonada, em três datas, com turmas que iniciarão dias 10, 17 e 24 de agosto.

Passarão a funcionar dois horários para entrada e saída dos alunos, de forma a reduzir o fluxo. Em todas as entradas haverá a aferição de temperatura. Dispensers de álcool em gel foram instalados em vários ambientes. Nas salas de aula, a disposição das cadeiras foi alterada, para manter o distanciamento recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

As escadas e elevadores foram sinalizados, respeitando o distanciamento. A Fametro também está marcando rotas dentro das unidades para evitar aglomeração. Toda a equipe administrativa está sendo treinada dentro das recomendações dos órgãos competentes, para receber e realizar a higienização correta dos ambientes. O uso de máscara será obrigatório para todos.

A pró-reitora da Fametro, Cinara Cardoso, ressalta que a instituição está tomando todas as providências para que os alunos e o corpo docente retornem às atividades presenciais, com os cuidados recomendados pelos órgãos de saúde. “Estamos realizando estudos, trocando experiências com outras instituições de ensino de São Paulo e Minas Gerais, participando do Comitê de Crise do Governo do Estado. O objetivo é reunir o máximo de informações para aplicar nas diretrizes que a Fametro irá adotar”, detalhou.

Ela explica que a instituição irá adotar um sistema de ensino híbrido, ou seja, com aulas presenciais, conteúdos transmitidos de forma online, simultaneamente, além de atividades de Ensino à Distância (EAD). “Com isso, cumpre-se a carga horária, sem qualquer prejuízo na aprendizagem dos alunos. Uma das grandes preocupações da instituição é com a qualidade do ensino e todas as medidas que estão sendo tomadas se voltam para esse aspecto e, também, para a segurança de todos em sala de aula”, afirmou.

A pró-reitora reforça que, durante o período de isolamento social como prevenção ao coronavírus, a Fametro manteve as atividades de forma virtual. “Nossos alunos continuaram tendo aulas. Foram desenvolvidas ferramentas tecnológicas, para que pudessem continuar acompanhando as atividades. Assim será também no retorno das aulas”, friou. Para a transmissão das aulas, disse ela, a Fametro está investindo em tecnologias.

 

Portal Gazeta do Amazonas (Reprodução autorizada mediante citação do Portal Gazeta do Amazonas )

Foto: Divulgação